Implicações da presença crescente da China no Mercosul

Acesse a Publicação

O mundo se encontra em um processo de transição cujos contornos ainda não são claros. A pandemia, a rivalidade entre a China e os Estados Unidos, as transformações tecnológicas e a recente eclosão da guerra na Ucrânia são alguns dos elementos que nos levam a esse momento de incertezas. Esta edição da Carta Brasil-China toca em pontos atuais que evidenciam esse complexo cenário e suas implicações para as relações bilaterais e a emergência da China como um ator global.

CONTEÚDO DESTA EDIÇÃO

Crise: perigo e oportunidade
Embaixador Luiz Augusto de Castro Neves, presidente do CEBC
 
Implicações da presença crescente da China no Mercosul
Renato Baumann, coordenador de Cooperação Internacional e Investimentos do Ipea
 
Riscos e promessas da iniciativa Cinturão e Rota na América Latina em um contexto de crise geopolítica global
Marcos Cordeiro Pires, professor na Faculdade de Filosofia e Ciências da Unesp – Marília
 
A utilização do yuan digital (e-CNY) nas transações com a China
Sergio Quadros, professor convidado do curso de MBA Internacional na Unisinos e ex-gerente geral do Banco do Brasil em Xangai
 
Desafios para a economia chinesa se ampliaram recentemente
Fabiana D’Atri, economista coordenadora do Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos do Bradesco
 
Cenário global conturbado aproxima Brasil e China no mercado de fertilizantes
Tulio Cariello, diretor de Conteúdo e Pesquisa do CEBC

Artigos relacionados